Água salgada: Tubos de alumínio, cobre ou aço inox?

Tubos de alumínio

As regiões litorâneas sofrem muito com um fenômeno que ocorre por conta da proximidade com a água salgada do mar: a maresia. Por conta disso, é interessante contar com materiais adequados com o ambiente, como os tubos de alumínio.

Em consequência deste fenômeno, os metais presentes na região como postes, corrimão, portões de ferro entre outros, oxidam como uma velocidade muito maior do que nas regiões mais afastadas do mar. Para visualizarmos melhor, a substância marrom que encontramos nas superfícies metálicas no corrimão que fica à beira-mar é um exemplo de corrosão.

A explicação para este tipo de fenômeno é a grande concentração de sais nestes locais, que são provenientes da água do mar. Toda vez que uma onda “quebra” na praia, a mesma traz a maresia e gotículas de águas salgadas, que se espalham por todo o ambiente.

Os cloretos, que são os íons presentes na água do mar, formam uma ponte salina, o que possibilita o fenômeno de oxirredução entre o oxigênio do ar e os metais expostos no ambiente.

Além de causar o dano material, pensando no lado econômico, é um terrível problema, pois o aumento de gastos será muito maior. Para termos uma ideia, a vida útil de um poste em condições normais pode chegar a 20 anos. Com a maresia, este número cai aproximadamente quatro vezes, ou seja, a vida útil chega a apenas cinco anos, o que apresenta uma grande perda de material com uma vida útil considerável.

Para evitar ou desacelerar os efeitos negativos da maresia, é importante pensarmos em soluções que possam ajudar a prevenir e recuperar os metais nesse ambiente, bem como a utilização dos materiais certos.

Tubos de Alumínio é a recomendação para regiões litorâneas

Os tubos de alumínio são materiais ideias para usarmos em regiões de maresia. A indústria naval, por exemplo, que está em contato diretamente com a água salgada, tem como principais ligas metálicas no momento da construção de uma embarcação o aço e o alumínio.

Pensando apenas nos tubos de alumínio, são indicados 3 tipos de ligas recomendadas para locais de maresia: 6061, 6082 e 6351. Todas essas ligas apresentam alta resistência à corrosão e são muito utilizadas pela indústria naval.

Geralmente, os tubos de alumínio também são utilizados em sistemas de refrigeração, ventilação e ar-condicionado.

Outra indicação recomendável é em relação aos eletrodomésticos. Moradores da região litorânea devem optar para que os mesmos sejam de aço inox, justamente por esse material possuir ótima resistência em ambientes corrosivos. A indústria naval utiliza também este tipo de aço justamente pelas embarcações estarem em ambientes corrosivos.

Em algumas situações, o cuproníquel – liga metálica formada pelo cobre e 30% de níquel – também pode ser uma ótima solução pelo mesmo motivo de apresentar boa resistência à corrosão. O potencial eletrodo é ajustado e com isso se torna neutro em relação à água salgada.

A liga metálica cobre-níquel irá formar, de maneira natural, uma camada protetora fina nas primeiras semanas de exposição, o que irá proporcionar uma alta resistência.

Para cada situação, existe um material indicado com características que irão ajudar você contra a corrosão. Como informado, tubos de alumínio, cobre e o aço inox são algumas ligas metálicas que podem ser uma boa solução.

A Coppermetal fornece as mais diversas ligas metálicas que podem ser utilizadas nas regiões com muito maresia.

Há quase 30 anos comprometida com a qualidade e versatilidade de seus produtos, a Coppermetal segue os mais rigorosos padrões de qualidade comprovados através do certificado ISO 9001.

Se você precisa de ligas metálicas sob medida conte conosco! Entre em contato pelo formulário e solicite um orçamento.