As diferentes aplicações e características da chapa de cobre

chapa de cobre

As chapas de cobre são voltadas, especialmente para o segmento de elétrica e eletrônicos. Você já deve ter percebido a presença do cobre em algum projeto desse tipo, seja nos fios dos postes ou mesmo nos sistemas elétricos. A razão para isso é que a matéria-prima é uma excelente condutora de energia. 

Mas, e para outras aplicações, é possível utilizar esse metal ou ele é realmente restrito a esse nicho? 

A verdade é que existem diferentes aplicações para o cobre. E que, hoje, muitas indústrias já tiram proveito desse material. Isso porque, além do elevado potencial de condução elétrica, esse metal possui também bastante resistência ao desgaste por fricção, o que o torna um insumo muito utilizado em mancais e engrenagens. Outro aspecto importante das chapas de cobre é que elas possuem excelente conformabilidade a frio, ótima resistência à corrosão e podem ser soldadas com facilidade.

Outra característica marcante do cobre, e que mais do que nunca tem sido valorizada, é o seu poder de higienização e combate a vírus e bactérias. Especialmente para maçanetas e corrimões, que são estruturas tocadas a todo momento nos hospitais e laboratórios. Por isso, investir no cobre pode ser uma boa aposta, já que as bactérias não conseguem sobreviver por um longo período quando estão em contato com esse metal. 

Viu só como existem diferentes características e possibilidades de aplicar o cobre? E esse é só o começo.

Cinco diferenciais da chapas de cobre:

Brilho elevado 

Não é à toa que as medalhas são feitas de bronze. 

Afinal, essa liga metálica utiliza o cobre como protagonista em sua composição, e o brilho elevado passa essa característica de ser algo valioso, além de agregar um valor estético surpreendente.  

Além das medalhas, outros produtos são feitos tendo essa matéria-prima como base, como moedas e itens de decoração e arquitetura. Mas, para manter o brilho do cobre é importante fazer o polimento do metal.

Excelente maleabilidade

A maleabilidade é uma forma de quantificar o potencial de um metal de ser moldado, ou seja, a facilidade que ele apresenta durante o processo de martelar, prensar ou enrolar em chapas finas sem que ele se quebre. 

Nesse caso, as chapas de cobre são ótimas escolhas. O cobre é um metal bastante maleável que se destaca na indústria pela facilidade de ser moldado no processo de soldagem, sem perder suas características.

Resistência mecânica e à corrosão

Buscar por um metal resistente é o desejo de todas as indústrias, afinal, essa é uma propriedade que está diretamente relacionada à vida útil do metal, ou seja, sua durabilidade. As chapas de cobre se destacam nesse sentido. Primeiro, por serem altamente resistentes à corrosão, ou seja, sua aplicação pode ser em equipamentos que precisam superar diferentes condições climáticas e podem estar em contato com a água. 

Já a resistência mecânica garante que o produto irá apresentar elevada dureza e bom desempenho.

Ductilidade 

A ductilidade representa a capacidade de um metal de se deformar antes de apresentar depredação. 

No caso das chapas de cobre, a ductilidade é bastante elevada, o que permite máxima flexibilidade do material, podendo ser inclusive reduzido a fios sem maiores dificuldades. 

Boa condutibilidade

A condutibilidade térmica e elétrica é provavelmente a característica mais marcante das chapas de cobre. É esse potencial que garante que o metal seja capaz de, por exemplo, conduzir energia elétrica.

Viu só? Contar com o cobre para diversas aplicações é possível, mas para isso, é importante buscar por uma empresa que conheça bem sobre o produto e seja capaz de entregar as melhores soluções. 

A Coppermetal tem sua excelência comprovada pelo seu certificado ISO 9001, além de um atendimento de ponta para tirar dúvidas e ajudar a sua empresa na escolha da matéria-prima ideal para o seu negócio. 

Solicite um orçamento para ajudarmos você!